Trígono Small Caps: Gestão, Rentabilidade e Características

Gustavo Heldt

Se você está buscando mais informações sobre o fundo Trígono Small Caps em sua versão Flagship e Flagship 60 FIC FIA, uma boa notícia: você está no caminho certo.

Lançado em 2018, o fundo investe em empresas de até R$ 10 bilhões de market cap e conta com um dos gestores mais renomados na análise de small caps no mercado, Werner Roger.

Quer saber se o fundo se adequa a seu perfil de investidor e aos seus objetivos? Então continue a leitura e descubra o tipo de gestão do Trígono Small Caps, suas principais características e rentabilidade. 

Como é o fundo Trígono Small Caps

O Trígono Flagship Small Caps é um fundo de ações, criado em 2018, cuja carteira é focada em empresas com valor de mercado abaixo de R$ 10 bilhões e liquidez diária abaixo de R$ 10 milhões.

As principais características do fundo são:

  • Long only
  • Bottom-up
  • Teses descorrelacionadas e agnósticas
  • Portfólio concentrado
  • Value investing
  • EVA como ferramenta de mensuração de valor
  • Busca por espaço no conselho das empresas
  • Predileção por empresas que distribuem dividendos.

Não se trata de um fundo com histórico muito longo, mas o time de gestão tem grande experiência.

Outro fundo da casa, o Trígono Verbier, carrega o histórico desde 2008, quando era um clube de investimentos.

A classificação da Anbima para o Trígono Flagship Small Caps é “Ações Small Caps”, classe de risco arrojado

Seguindo a cartilha, os principais riscos do fundo são a oscilação de preço dos ativos na bolsa de valores (risco de mercado) e o risco de liquidez, devido ao portfólio focado em empresas de baixa capitalização.

Gestão do fundo Trígono Flagship Small Caps

O Trígono Flagship Small Caps é um fundo de gestão ativa, com foco na seleção de ações de empresas “pequenas”, mas com alto potencial de crescimento. 

O foco em Small Caps, inclusive, faz parte do DNA da gestora Trígono Capital, fundada pelos sócios Werner Roger e Frederico Mesnik. 

A gestora foi criada em 2017, mas os sócios trabalham juntos há mais de 30 anos no mercado financeiro. 

Werner Roger, líder de investimentos da gestora, é considerado referência no mercado financeiro de Small Caps

Em entrevista ao canal do BTG Pactual Digital no YouTube, o sócio e CEO da Trígono Capital, Frederico Mesnik, afirma que a escolha das empresas para o portfólio do fundo é feita com muito rigor e convicção. “A gente entra com a cabeça de dono”, diz. 

Nesse sentido, o fundo busca espaço junto ao conselho nas empresas em que investe. A ideia é oferecer apoio e insights, inclusive com a implementação do EVA, para ajudar a companhia atingir todo o seu potencial.

Uma questão importante é que o Trígono Flagship Small Caps é um dos únicos fundos que cobram taxa de performance com base no SMLL, o índice das Small Caps. 

“Se você olhar o Ibovespa e o SMLL em qualquer janela de tempo, o SMLL rende mais que o Ibovespa. Então colocamos um índice de referência coerente com o fundo e acima do Ibovespa”, declarou. 

O fundo cobra taxa de administração de 2% e taxa de performance de 20% sobre o que exceder o benchmark

Neste momento, o Trígono Flagship Small Caps FIC FIA não se encontra aberto, mas o Trígono Flagship Small Caps 60, sim.

A diferença entre eles é que o segundo tem resgate em D+60.

Outras informações do Trígono Flagship Small Caps 60 FIC FIA são:

  • Aplicação inicial: R$ 250,00
  • Movimentação mínima: R$ 500,00
  • Saldo mínimo: R$ 100,00
  • Aplicação: D+1
  • Resgate (liquidação financeira): D+62

Estratégia do fundo Trígono Flagship Small Caps

A estratégia de investimento do fundo Trígono Flagship Small Caps tem como base empresas com valor de mercado abaixo de R$ 10 bilhões ou liquidez diária de até R$ 10 milhões. 

Além de diversos aspectos quantitativos, a equipe de gestão considera também elementos qualitativos na escolha das empresas. 

São critérios como: boa governança, desenvolvimento social e respeito ao meio ambiente.

Rentabilidade do fundo Trígono Flagship Small Caps

Apesar de o resultado passado não ser garantia de ganhos futuros, a rentabilidade histórica de um fundo de investimentos é informação essencial para o investidor. 

O resultado do fundo, principalmente se comparado ao benchmark, ajuda o investidor na sua tarefa de avaliação sobre a eficiência da gestão

Por isso listamos a seguir o desempenho do Trígono Flagship Small Caps desde sua fundação, em abril de 2018:

  • 2018: 15,02%
  • 2019: 69,01%
  • 2020: 12,45%
  • 2021: 52,37% (até o fim de setembro).

Vale repetir: o retorno acima não é garantia de rentabilidade futura, e este texto não se trata de uma indicação de investimento.

Acho que se você curte se expor a small caps, você tem o dever de conhecer o fundo da Trígono, mas, para isso, não deve parar por aqui 🙂

Que tal conhecer o site da gestora e ler alguma das resenhas mensais? Nelas, o gestor expõe muito do seu racional e mostra como pensa o mercado e as oportunidades à vista.

Além dos textos, você também pode acompanhar o gestor em lives e entrevistas no YouTube.

Uma bastante interessante é a conduzida por Jojo Wachsman e Felipe Miranda no RadioCash, podcast da Empiricus / Vitreo.

Gostou de entender em detalhes o fundo da Trígono?

Deixe um comentário e compartilhe este texto com aquele amigo que também está dando curte o universo dos fundos de investimento.

obre Factor Investing que a asset preparou e visite o site da gestora para saber mais.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Gustavo Heldt

Gustavo Heldt

Gustavo Heldt é jornalista, especialista em investimentos, assessor e entusiasta de bons fundos e gestores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Envie suas dúvidas :)