Western Asset FIA BDR: Gestão, Rentabilidade e Características

Gustavo Heldt

O fundo Western Asset FIA BDR é uma opção para o investidor que busca diversificar sua carteira com exposição a ativos internacionais. 

Como o próprio nome diz, investe prioritariamente em empresas americanas por meio dos BDRs (Brazilian Depositary Receipts) negociados na B3.

O fundo faz parte de uma extensa prateleira de produtos da Western Asset, gestora independente americana fundada em 1971, com US$ 468,5 bilhões sob gestão globalmente.

Ficou interessado? Então descubra ao longo deste post se o fundo Western Asset FIA BDR se adequa a seus objetivos e perfil.

Como é o fundo Western Asset FIA BDR

O Western Asset FIA BDR é um fundo de ações que investe prioritariamente em BDRs Nível I (Brazilian Depositary Receipts) de empresas americanas. 

Os BDRs são certificados de depósitos emitidos no Brasil, lastreados em ações de empresas estrangeiras.

Lançado em maio de 2014, o fundo é destinado aos investidores em geral que têm tolerância a oscilações e perdas, principalmente no curto prazo.

Busca no mercado acionário norte-americano oportunidades que proporcionem aos cotistas resultados consistentes e competitivos no longo prazo.

Conforme dados disponíveis no site da CVM, no dia 20 de novembro de 2020 o fundo tinha patrimônio líquido de R$ 2.216.187.580,94 e 97.847 cotistas.  

Gestão do fundo Western Asset FIA BDR

O Western Asset FIA BDR é um fundo de gestão ativa que seleciona os ativos com base em pesquisa e análise fundamentalista

“Os mercados frequentemente estão incorretos. Os preços dos ativos se desviam do seu valor justo mas, ao longo do tempo, se ajustam para refletir os seus fundamentos”, diz a gestora em seu site oficial. 

Investir em ativos subvalorizados, segundo a Western Asset, resulta em retornos consistentes ao longo do tempo.

Em entrevista à XP Investimentos, Elder Andrade, Sales Executive da Western Asset, comentou a importância da exposição internacional no portfólio.

“A gente tem o produto de BDRs para o investidor de renda variável que quer trocar um pouco de risco da bolsa doméstica pelo risco de bolsa americana”, disse.

“O primeiro benefício é estrutural. Independentemente do momento, a diversificação geográfica neutraliza parte do risco Brasil. Em renda variável, há a possibilidade de o investidor se expor a diversos setores que sequer têm representantes na bolsa aqui no Brasil”, afirmou.

O fundo tem taxa de administração de 1,5% ao ano sobre o patrimônio líquido e não cobra taxa de performance. Também não há taxas de ingresso ou de saída.

A seguir, aproveite para conferir outras informações básicas sobre o fundo:

  • Investimento inicial mínimo: R$ 1 mil 
  • Investimento adicional mínimo: R$ 100,00
  • Resgate mínimo: R$ 100,00
  • Horário para aplicação e resgate: 14 horas
  • Valor mínimo para permanência: R$ 500,00
  • Período de carência: não há
  • Pagamento dos resgates: 4 dias úteis após a solicitação.

Estratégia do fundo Western Asset FIA BDR

O fundo Western Asset FIA BDR adota como estratégia a seleção de ativos orientada por valor, com visão fundamentalista e de longo prazo.

Além de analisar as empresas e os setores nas quais atuam, os gestores avaliam também os cenários econômico-financeiros nacionais e internacionais

“As decisões de alocação são tomadas em comitês, que se reúnem para avaliar as tendências de mercado e as condições macro e microeconômicas”, diz trecho da lâmina de informações essenciais do fundo.

Além do investimento em BDRs Nível I de empresas norte-americanas, o fundo pode realizar operações com derivativos, principalmente com o objetivo de proteção do portfólio (hedge).

O regulamento não permite alavancagem nem investimento em crédito privado. Conforme classificação do administrador, o fundo tem risco 5, numa escala de 1 a 5. 

Rentabilidade do fundo Western Asset FIA BDR

O Western Asset FIA BDR apresenta uma rentabilidade acumulada nos últimos cinco anos de 163,44%

Para ajudar a avaliar a capacidade do gestor em entregar resultados, listamos a seguir o desempenho do fundo desde sua criação:

  • 2014 (a partir de maio): 35,4%
  • 2015: 62,77%
  • 2016: -10,65%
  • 2017: 22,55%
  • 2018: 9,82%
  • 2019: 35,55%.

Em 2020, até o mês de outubro, o fundo apresentava performance de 61,61%. 

O resultado é explicado tanto pelo desempenho dos ativos que compõem a carteira, quanto pela variação cambial.

Gostou de conhecer as características e estratégia do fundo Western Asset FIA BDR? 

Então comente e compartilhe com seus amigos nas redes sociais. Aproveite para conhecer outros conteúdos em nosso blog sobre os diversos tipos de fundos de investimentos.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Gustavo Heldt

Gustavo Heldt

Gustavo Heldt é jornalista, especialista em investimentos, assessor e entusiasta de bons fundos e gestores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Envie suas dúvidas :)